Entrevista com Artur Rogério

novembro 6, 2009

Um dos idealizadores do Nós Pós e integrante do Urros Masculinos, Artur Rogério, fala sobre a Freeporto, a viagem do grupo Urros Masculinos a São Paulo, sobre antropofagia, sujeira no meio literário e outras profundidades, confira aqui

Yugo Taroo: correspondente selvagem de um Recife caótico.

Freeporto

novembro 6, 2009

Se você não está a fim de ir pra eventos de literatura cansativos; a festas que não são festas ou lugares chatos, hoje, amanhã e depois, você tem uma saída: Freeporto! Lá ninguém vai precisar fingir ser intelectual, nem cruzas as pernas colocando a mão no queixo. Vai dar pra se divertir e curtir literatura em movimento. Ver o que se produz e tomar um vinho, ver o que se faz e dar uma cantada na gata ao lado, sentir poemas de forma Freeeeeeeeeeeeeeeeeeee.  Levante do sofá, meu velho, vá lá!    

ESTREIA

novembro 1, 2009

Nosso escritório é na mesa de bar. É lá que boa parte da literatura acontece. Podem ser os bares de qualquer lugar: Mercado da Boa Vista, Rua da Moeda ou Pátio de São Pedro, não importa. O grande lance mesmo é captar, sob as lentes da informalidade, um tipo de literatura cada fez mais palpável e menos preocupada com a teoria.

Existem coisas importantes acontecendo na cena literária do Recife, são elas que fecundam esse Blog, graças a Deus que nas coxas também pode haver fecundação, porque é dessa forma que esse Blog nasce: assim espontâneo, sem planejamentos.

Em suma, o verbosujo quer colher opiniões e distribuir informações, sempre propondo uma autoleitura da cena, seja pela boca de escritores pernambucanos ou de outras partes do país. O objetivo maior é tentar divulgar, no contexto nacional, essa nova geração de escritores, tentando com isso unir as pontas entre Pernambuco e o resto do Brasil. Se vamos conseguir? Sei lá!

Pra finalizar, agradecemos a Raísa Feitosa, escritora e web design, pela criação do layout acima; agradecemos ainda a Marcelino Freire e a Jomard Muniz de Britto por descabaçarem, em grande estilo, o Blog verbosujo. 

  • Entrevista de Marcelino Freire falando sobre a cena literária do Recife, sobre as Baladas Literárias e autores que ele não gosta. Click aqui.
  • Poema Inédito de Jomard Muniz de Britto. Click aqui. 

P.S: Este Blog tentará fazer, à sua maneira, ou seja, de forma não oficial, a cobertura de parte da Fliporto (PE), Freeporto(PE) e das Baladas Literárias (SP), aguardem. 

Yugo Taroo: correspondente selvagem de um Recife caótico.